Comemorar e agradecer

Hoje estamos de “mesversário”. Há 2 anos e 5 meses, chegava meu filho, meu menino, meu mestre, agente transformador das nossas vidas. É bem verdade que, assim que completou 1 ano, deixamos de fazer aquele “bolinho” mensal para comemorar sua chegada, mas jamais nos esquecemos da importância que ele tem tido para todos nós.

Essa idade (2 anos e 5 meses) nada tem de “cabalística”, assim como não houve nenhum evento especial que pudesse ter me dado essa injeção de gratidão, mas o fato é que hoje, 06 de dezembro de 2016, sinto meu coração se encher, ainda mais, de amor, gratidão, alegria e todos os melhores sentimentos.

Assim que ele nasceu, fui atacada por amor de todos os lados, tive várias mãos estendidas, tive colo, tive muitas alegrias. Preocupações, angústias, medo, dedos apontados, laços desfeitos também. Foi uma enxurrada dos mais intensos sentimentos e, até hoje, a vida é cheia disso, de todos eles. Vê-lo levantar, dar sua primeira gargalhada, pegar a mamadeira pela primeira vez, falar sua primeira palavra (um sonoro “não” hahahahaha), tudo isso é cercado das mais intensas sensações. Hoje teve consulta de rotina com a pediatra, ele sentou sozinho na cadeira à frente dela, conversou, disse o que sentia, disse por que não estava comendo direito, só de lembrar, meus olhos se enchem de lágrimas.

É como se eu esquecesse das experiências mais dolorosas, de como cada decisão que preciso tomar me coloca em xeque com muitas variáveis. Hoje é quase como se nada doesse. Hoje as lembranças são somente as doces – ou melhor, as lembranças tem todos os gostos, mas apenas as doces tem importância. Hoje o choro é de alegria, o amor infinito mas que ainda encontra pra onde crescer.

Hoje, às 15h44min eu renasço como mãe daquele menino que chegou me mostrando que não é feio pedir ajuda, que não é feio assumir minhas limitações e que, sobretudo, amar é o maior e mais intenso desafio. Uns dizem que é escolha, não sei, o que eu digo é que amar não é fácil, mas é só o que vale a pena.

Descobri e descubro, diariamente, muitas cores, muitas palavras. Surgem rugas de tanto sorrir ao redor da minha boca, brotam lágrimas, a todo instante, dos meus olhos. Nascem dúvidas constantes na minha cabeça, as perguntas, os prós e contras das escolhas… tantas escolhas diárias! Mas ser mãe, no meu mundo, é assim mesmo.

Feliz 2 anos e 5 meses para todos os envolvidos nessa grande aventura!

Com amor,

Samia-mãe2a5m

Anúncios

Sobre Samia Mãe

Samia, uma mãe com dúvidas e muita, mas muita vontade de acertar. Acredito que conversando sobre as dificuldades, elas se tornam menores e o caminho fica mais leve e divertido.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s